quarta-feira, 10 de setembro de 2008

De mais ninguém

"Se ela me deixou, a dor
É minha só, não é de mais ninguém
Aos outros eu devolvo a dó,
Eu tenho a minha dor

Se ela preferiu ficar sozinha,
Ou já tem um outro bem.
Se ela me deixou a dor é minha,
A dor é de quem tem

E meu troféu é o que restou,
É o que me aquece sem me dar calor
Se eu não tenho o meu amor,
Eu tenho a minha dor

A sala, o quarto, a casa está vazia,
A cozinha, o corredor
Se nos meus braços
A dor é minha

É o meu lençol, é o cobertor,
É o que me aquece sem me dar calor
Se eu não tenho o meu amor
Eu tenho a minha dor

A sala, o quarto, a casa está vazia,
A cozinha, o corredor
Se nos meus braços ela não se aninha
A dor é minha a dor"


Ando afastada do blog, sem tempo para escrever, sem tempo para ler blogs... Quando o ano acabar volto a fazer tudo que não posso agora...
Linda música que não sai da minha cabeça...

3 comentários:

ccauan disse...

é,né?
rái, rai, eu já disse, não deixe sua vida pra depois do vestibular... dá pra misturar... não precisa ser tão maníaca...
mas cê que sabe
beijãOo
ah, de quem é essa música? a letra não me é estranha... mas não lembro :T
sim, se der dá uma olhada nos meu dois últimos texto que eu acho que te interessam um pouco :D

Garota Mundana disse...

vida de pré-vestibulando no segundo semestre eh cruel...x.x
ninguem merece =~ bom, força por ai!o/
bjuus

Calu Haiteck disse...

Que pena, são palavras tão lindas.
Espero lê-las com frequência e torço para que você passe logo no vestibular. Asiim não terá que passar mais um ano estudando e postando menos na sua página.